home sugira um site livro de visitas cadastro
Programa de Pós-Graduação em Sociologia e Antropologia - UFRJ prossiga

Artigos e Outros Textos - Sociologia   Brasileiros



COSTA, V. F. A desordem na nova ordem internacional. Capturado em 13 de março de 2003.
http://www.viegasdacosta.hpg.ig.com.br/desordeminternacional.htm
O autor é historiador e professor. Neste artigo ele discute as mudanças ocorridas nas relações internacionais a partir do incremento dos conflitos entre Israel e Palestina, que ele entende como uma consequência dos atentados de 11 de setembro. Ele apresenta como prognóstico uma tendência ao aumento dos conflitos no Oriente-Médio.
Contato: viegasfc@terra.com.br
Área: Sociologia

COSTA, V. F. Reflexões a respeito da anulação do "outro". Capturado em 13 de março de 2003.
http://www.viegasdacosta.hpg.ig.com.br/artigooutro.htm
O autor é historiador e professor. Neste artigo ele discute como os atentados ao World Trade Center e ao Pentágono afetaram nossa maneira de ver as diferenças, de perceber o outro. E conclui que desde que nos desfaçamos de nossos preconceitos e comecemos a dialogar com o Oriente rumaremos em direção à convivência e ao respeito.
Contato: viegasfc@terra.com.br
Área: Sociologia

COSTA. V. F. Por quê atacar o Iraque? Capturado em 13 de março de 2003.
http://www.viegasdacosta.hpg.ig.com.br/atacaroiraque.htm
O autor é historiador e professor. Neste artigo ele discute as razões que motivam as intenções bélicas dos Estados Unidos em relação ao Iraque.
Contato: viegasfc@terra.com.br
Área: Sociologia

GIOVANETTI NETTO, Evaristo. A esquerda e os impasses da transição para a democracia no pós-guerra: 1945 - 1946. Revista Sociologia e Política, Curitiba (PR), n. 6-7 / jun.-nov. 1996. ISSN 0104-4478 (versão impressa). Capturado em 18 de fevereiro de 2003.
http://www.revistasociologiaepolitica.org.br/revista67/index.html#A ESQUERDA E OS IMPASSES DA TRANSIÇÃO PARA A DEMOCRACIA NO PÓS-GUERRA (1945-1946)
Apenas o resumo do artigo está disponível. Para acessar o artigo completo acessar o SciELO. Nele, o autor visa revisitar e analisar criticamente o quadro político do pós-guerra, contrapondo o projeto democratizante varguista em que se insere o PCB ao projeto elitista e excludente proposto pelos liberais opositores do "Estado Novo".
Contato: contato@revistasociologiaepolitica.org.br
Área: Sociologia

HOLANDA, Sérgio Buarque. Vida e obra. [on-line]. Arquivo capturado em 5 de Junho de 2002.
http://www.unicamp.br/siarq/sbh/
Página produzida pelo Instituto de Filosofia e Ciências Humanas da Unicamp por ocasião do centenário do nascimento do sociólogo, historiador, escritor, ensaísta e jornalista Sérgio Buarque de Holanda, nascido em 11 de Julho de 1902. Contém textos sobre a vida e a obra do autor, depoimentos a seu respeito, além do acervo, pesquisas, exposições, notícias, entre elas informações sobre as comemorações do centenário.
Contato: decca@unicamp.br
Área: Sociologia

JAPIASSU, Hilton Ferreira. O Mal-estar nas Ciências Humanas. [on-line]. Artigo capturado na rede em 12 de Março de 2002.
http://www.editoraeletronica.net/autor/069/06900200.htm
O autor é professor associado nos cursos de graduação e pós-graduação do Departamento de Filosofia da PUC-RJ, e pós-doutor em Filosofia pela Université des Sciences Humaines de Strasbourg, França. Discute, neste artigo, a cientificidade das ciências humanas e sociais e as fronteiras das várias disciplinas que essas áreas abrangem. A editora disponibiliza busca por obra.
Contato: sugestao@editoraeletronica.net
Área: Sociologia

MORAIS, Jorge Ventura de. Ação sindical coletiva e segmentação interna da classe trabalhadora, 1978-1989. [on-line]. Arquivo capturado em 2 de Agosto de 2002
http://www.fundaj.gov.br/docs/text/ventura.doc
O texto divide-se nos seguintes tópicos: a segmentação dos trabalhadores e a possibilidade de ação coletiva e uma análise sociológica dos dados históricos. O texto conclui que nem a tese da aristocracia nem a da vanguarda operária explicam o sentido da ação sindical coletiva, no que diz respeito ao Brasil, pelo menos no período 1978-89. A análise do comportamento político de segmentos relativamente privilegiados mostrou que, quando estes agiram de forma solidária, isto aconteceu através de intenso trabalho sindical com o objetivo de unir conjuntamente os diferentes segmentos. Traz bibliografia.
Área: Sociologia

PENTEADO, Juliano Cortez Toledo. Sociologia da Arte e Estética da Religião: Manifesto Sine Ira et Studio. Capturado em 18 de fevereiro de 2003.
http://www.direito.curvedspaces.com/Artigos/Arte.htm
No artigo o autor defende que a arte é uma extensão, pelo sentimento, da sociedade a todos os seres da natureza. A emoção artística é essencialmente social; tem por resultado alargar a vida individual fazendo-a confundir-se com uma vida mais ampla e universal. O fim mais elevado da arte é produzir uma emoção estética de caráter social.
Área: Sociologia

ROSA, João Maurício da. No asilo das Madalenas. Jornal da Unicamp, Campinas, fev. 2002.
http://www.unicamp.br/unicamp/unicamp_hoje/ju/fev2002/unihoje_ju170pag09.html
Artigo publicado pelo Jornal da Unicamp. O artigo mostra como, entre 1910 e 1940, o comportamento sexual da mulher, particularmente das prostitutas, era demonizado, preconceito que acabou interferindo no próprio espaço urbano, por conta das decisões governamentais de zoneamento das prostitutas.
Contato: jmauricio@reitoria.unicamp.br
Área: Sociologia

ROSANEL, Rachel. Imagens da cidade. Revista Studium, Campinas, n. 6, inverno 2001. Capturado em 26 de maio de 2003.
http://www.studium.iar.unicamp.br/seis/5.htm
A autora é arquiteta urbanista, com mestrado no Depto. de Multimeios da Universidade de Campinas - Unicamp -. Ela discute o curta-metragem Fluoroscópio sobre a cidade de São Paulo, tratando no artigo a cidade como um corpo.
Contato: tacca@unicamp.br
Área: Sociologia


Topo